Como organizar ações externas de checkups de pressão arterial e glicemia

As campanhas externas são uma forma de levar a saúde para mais perto da população. Veja como organizar.

As ações externas de checkup são eventos voltados ao rastreamento em saúde e tem como público alvo pessoas adultas com idade entre 18 e 60 anos que podem ser atendidos em diversos locais diferentes como em empresas, salões, clínicas, escolas, mercados, etc.

Os materiais mínimos necessários para a realização de uma campanha são:

  • 3 mesas

  • 6 cadeiras

  • Banner da empresa/serviço

  • 1 resma de folha A4

  • Canetas

  • Carimbo do farmacêutico

  • Glicofitas (e eventualmente outros kits a serem utilizados)

  • Caixa para descarte de pérfuro cortantes

Os equipamentos e softwares necessários são:

  • 2 notebooks com acesso a internet

  • 1 impressora

  • Monitor de pressão arterial

  • Glicosímetro

  • Software Clinicarx

Os insumos necessários podem variar de acordo com o tamanho da campanha a ser realizada, fique atendo a quantidade e a definição do projeto

Em linhas gerais serão necessários:

  • Álcool swab ou algodão com álcool 70°

  • Gaze estéril

  • Algodão

  • Curativo pós coleta

  • Lanceta automática ou lancetador com lancetas descartáveis

  • Luvas

  • Álcool gel

A quantidade de profissionais envolvidos na realização da campanha também pode variar, mas sugerimos que ao menos estejam presentes 2 técnicos/auxiliares e 1 farmacêutico

Cada profissional tem suas atividades específicas, ficando a cargo do técnico/auxiliar:

  • Acolher o cliente e informar sobre o procedimento que será realizado;

  • Cadastrar o cliente na plataforma Clinicarx;

  • Verificar a glicemia e a pressão do cliente (e eventualmente outros testes previstos);

  • Registrar o máximo de informação sobre o estado de saúde do cliente;

  • Imprimir a DSF;

  • Encaminhar cliente ao atendimento farmacêutico.

O farmacêutico é o responsável pela realização dos exames durante a campanha. Após o direcionamento do cliente pelo técnico/auxiliar ele deve:

  • Acolher cliente com DSF;

  • Orientar cliente conforme resultados obtidos e direcionar cliente ao desfecho mais adequado (agendamento de acompanhamento na farmácia ou encaminhamento ao médico ou ao Pronto Atendimento, por exemplo)

  • Carimbar e assinar a DSF.

Após instruir o paciente, imprimir, carimbar, assinar e entregar os documentos, o paciente pode ser liberado.

Caso a ação externa envolva a verificação do perfil lipídico, serão necessários insumos adicionais específicos para a realização do teste